Clique para ativar o zoom
Carregando Mapas logo
Filtros

Corretor de imóveis, Falar a verdade ou mentir na profissão?

PorMarcio Corrêa
19 de janeiro de 2017
Categoria:   Conteúdo

Corretor de imóveis, falar a verdade ou não?

dizer a verdade ao cliente

falar a verdade

Hoje eu quero tratar de assunto um pouco constrangedor mais que aconteceu em meu escritório.

Corretor de imóveis, Falar a verdade ou mentir na profissão?

compra

Há alguns anos atrás entraram em minha sala um casal vamos chamar de João e Maria a fim de resguardar a sua  privacidade, logo na primeira impressão achei que era sua esposa  mais como profissional deixei eles me falarem, logo depois no desenrolar da conversa comprovei que era.

Demonstraram interesse em adquirir um imóvel na região “Costa do Conde” a principio disseram que estavão vindo de São Paulo e queriam um local mais calmo para morar e fugir da agitação outrora vivida por eles.

Pensei então, você veio ao lugar certo!

Ela era cabeleira e ele não me recordo agora, mas queriam uma casa para comprar e deram suas  características e exigências,  como valores  que estão dispostos a pagar, oba pensei comigo mesmo, eu tenho estes imóveis e tenho certeza que vão gostar, e dai começamos a velos conforme a preferência deles.

Eram bem exigentes e  queriam um imóvel barato bem na principal da cidade e novo. Logo desanimei, pois conhecendo bem a cidade sabia que não existia nem se quer terreno na principal com aquele valor que estavam dispostos  a pagar por eles imagine uma casa.  Então expliquei a verdade detalhada e fui bem honesto acho que ate demais. Kkk

Cliente que paga bararo

Cliente

Eles ficaram frustrados e ao despedir se disseram vamos dar mais uma voltinha na cidade qualquer coisa voltamos depois.

Em outras palavras disseram vamos procurar com outros corretores ate achar!!!

Já conheço esse discurso.

Mas pensei comigo mesmo, poxa mostrei as melhores opções da região inclusive imóveis construídos recentemente, quer dizer, novos e mesmo assim não compraram porque não ficava na principal do bairro e disse a mim mesmo, poxa fiz o meu melhor  e disse a verdade não escondi nada mostrei os pontos negativos e pontos positivo.

Disse ate que se eles encontrasse  um imóvel com aquele valor  que gostariam tivessem uma certa atenção melhor na documentação, para que o barato não saísse caro, estava me referindo a documentação.

EU, subliminarmente disse desconfie de valores tão baixos e cuidado com os falsos corretores.

Resultado, com um certo tempo depois me procuraram novamente me informando que conseguiram adquirir um imóvel com as condições de pagamento que queriam e me perguntaram se eu conhecia algum construtor para realizar o projeto do imóvel e construção do mesmo.

imóvel comprado

Terreno

Disse que conhecia e daí marcamos em nosso escritório, e no dia marcado eles vieram muito felizes pela compra e quando chegaram em meu escritório com a documentação do lote de terreno, tive o cuidado como profissional de perguntar se poderia dar uma olhada, foi quando constatei que o imóvel que tinham comprado não possuía escritura publica registrada, não tinha cadastro na prefeitura local e outras irregularidades, e que inclusive estava em área de invasão, que obviamente nada disso foi informado pelo vendedor.

Orientei-os a procurar o vendedor (bicudo/falso corretor) para que o dinheiro deles fosse ressarcido para diminuir o prejuízo, mas não deu certo, o bicudo disse que já tinha gasto o dinheiro e que não ia devolver, então disse a eles que prestassem uma queixa na delegacia, mas tiveram medo de algum tipo de retaliação por parte do bicudo.

Os compradores me confidenciaram que para comprar o lote de terreno tiveram que vender seu carro e uma casa que tinham, e o que tinha sobrado de dinheiro era pouco, foi quando ofereci a eles um pequeno kitnet que se encaixava no valor que sobrou da compra fraudulenta ao bicudo.

Realizei a venda do Kitnet para eles mostrando muita segurança comprovando a legalidade do imóvel através de certidões de ônus do cartório responsável de registro de imóveis da região, escritura publica, e IPTU cadastrado na prefeitura local.

No final o cliente X passou um grande transtorno gerando prejuízo financeiro Fez uma compra insegura na primeira ocasião com o falso corretor e proprietário desonesto E se viu obrigado a abrir mão do orgulho e voltar ao corretor que avisou sobre os cuidados que deveria ter ao adquirir um imóvel tão barato. No final ele se tornou meu amigo e cliente e realizamos outros negócios juntos.

corretor e cliente

Ética profissional

Não deixe que isso aconteça com você também. Peça para ver a numeração do creci do corretor verifique juntamente com o seu corretor a documentação e faça uma compra segura dentro da legalidade.

Fonte Márcio

Fatos reais.





One thought on “Corretor de imóveis, Falar a verdade ou mentir na profissão?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *